RPPN Volta Velha – Itapoá/SC

Clique nas fotos para ampliá-las

Os cursos “Práticas em Botânica na Mata Atlântica Catarinense” são voltado para estudantes e profissionais das Ciências Naturais, além de interessados na conservação e conhecimento sobre a rica flora de Santa Catarina.

O município de Itapoá-SC se localiza no litoral norte do estado, na divisa com o Paraná, inserido na Baía da Babitonga, e se destaca pelas belas paisagens e extensas formações florestais, onde ocorre uma riqueza de espécies tipicamente tropicais, das quais um grande número não ocorre em nenhum outro local do estado catarinense.

A Reserva Particular do Patrimônio Natural de Volta Velha, possui fácil acesso e uma excelente infraestrutura para atividades educacionais, principalmente para cursos de formação técnica voltados para a área ambiental. Existem amplos alojamentos, dentre os quais camas em beliches, banheiros privativos, mosquiteiros e ventiladores de teto. A voltagem da energia elétrica é 220V. Além dos alojamentos, existem um salão para refeitório, onde serão servidas as refeições, todas provenientes da produção agrícola local, com um cardápio equilibrado e saudável. O mesmo salão, também oferece espaço para as aulas teóricas, as quais serão ministradas em Data show e através de atividades teórico-práticas, com manipulação do material botânico e tratamento de dados. Também existe na área da sede da reserva, uma oca, que segue o modelo dos indígenas do Alto-Xingu, que também oferece excelentes condições de uso para as atividades propostas no curso.

Área onde se localizam os alojamentos

Um dos alojamentos do curso na Reserva Volta Velha. Possui capacidade para seis pessoas por domirtório, possuindo banheiro privativo.

Interior do Alojamento

Oca próxima à sede da Reserva Volta Velha

Interior da Oca na Reserva Volta Velha

       

As Florestas

As áreas de florestas ocupam cerca de 1.200 ha, às margens do Rio Saí-Mirim, e fazem parte do maior remanescente dessa tipologia florestal no estado de Santa Catarina. Na área da reserva, a vegetação se encontra em ótimo estado de conservação e apresenta uma exuberância muito peculiar. O estrato arbóreo é composto por indivíduos de grande porte e, sobre seus troncos e galhos, ocorre uma alta incidência de epífitos, principalmente pertencentes às famílias Bromeliaceae e Araceae. Além disso, existe uma cobertura densa de Bromeliáceas no chão da floresta, que varia em densidade e predominância de espécies, conforme o saturamento hídrico do solo.

A vegetação predominante é a Floresta Ombrófila Densa das Terras Baixas, ocorrendo ainda formações pioneiras como restingas e manguezais, além de florestas de encostas, ou Floresta Ombrófila Densa Sub-montana.

Aspecto do interior da floresta em uma das trilhas da RPPN Reserva Volta Velha. Destaque para o número expressivo de indivíduos epifíticos.

Vista superior do dossel da Floresta Ombrófila Densa de Terras Baixas em Itapoá/SC. Constitui-se num dos maiores e mais preservados fragmentos florestais desta fitofisionomia em SC, estando localizado ao norte da Baía de Babitonga, a qual pode ser vista ao fundo juntamente com a Ilha de São Francisco do Sul. Além disso abriga espécies restritas que só ocorrem neste local no Estado.

A Flora
 A equipe de ministrantes já catalogou no município de Itapoá aproximadamente 500 espécies distribuídas em 103 famílias, número que apesar de alto e muito significativo, ainda não retrata a totalidade da biodiversidade florística da área. As principais famílias em número de espécies são Myrtaceae (família da pitanga, araçá, jaboticaba) e Bromeliaceae, grupo bastante conhecido por seu amplo uso ornamental.
Os levantamentos estão sendo realizados apenas nas Formações Pioneiras e Floresta Ombrófila Densa das Terras Baixas, sem incluir as matas de encosta.
Vriesea incurvata (Bromeliaceae). Esta é uma das várias espécies de bromélias do local. A família Bromeliaceae é uma das mais ricas em espécies na região além de ser muito abundante.
Mucuna urens (Fabaceae-Faboideae). Espécie de cipó da família das leguminosas, apresenta sementes ornamentais, conhecidas por olho-de-boi.
Myrcia racemosa (Myrtaceae). A família Myrtaceae destaca-se por ser uma das famílias mais ricas em espécies de árvores e arvoretas da Floresta Ombrófila Densa de Terras Baixas. Myrcia racemosa é uma das mais comuns e foi fotografada em frutificação.

Mollinedia uleana (Monimiaceae) – conhecida por erva-de-santo-antônio, capixim ou pimenteira. É a única das 12 espécies do gênero que ocorrem em Santa Catarina que não possuem frutos castanhos ou negros na maturação. Arvoreta de 3 a 8 metros de altura.

Nematanthus tesmannii (Gesneriaceae), espécie de hemiepífita que é rara no Rio Grande do Sul, onde consta na Lista das Espécies Ameaçadas. É relativamente comum em Itapoá-SC.

Abarema langsdorffii – Fabaceae – pau-gambá-   Espécie arbórea comum nas restingas e florestas das planícies, sendo encontrados indivíduos de até 20 em Itapoá.

Parinari excelsa, árvore pertencente à família Chrysobalanaceae, muito rara em Santa Catarina, restrita às florestas litorâneas do entorno da Baía da Babitonga. É mais uma das espécies tropicais que atingem seu limite austral de distribuição nesse maciço florestal.

Ramo de Manilkara subsericea (Sapotaceae), maçaranduba, árvore de grande porte, típica das florestas litorâneas, em solos com alta saturação hídrica, seu hábitat preferencial. A espécie se destaca por sua madeira de alta qualidade. Outra representante da flora tropical, é rara no estado de Santa Catarina, sendo sua maior ocorrência no entorno da baía da Babitonga. A espécie deve ser considerada como ameaçada de extinção no estado de Santa Catarina, sendo necessária sua categorização e a urgência da publicação de uma lista estadual de espécies da flora ameaçada.

Flor de Voyria aphylla (Gentianaceae), espécie herbácea, saprofítica, do chão da floresta, possui ampla dispersão na América do Sul. Ocorre nas florestas com solo hidromórficos em Itapoá.

Veja a galeria de imagens da 1ª edição do curso Práticas em Botânica na Mata Atlântica Catarinense aqui!

Outras informações podem ser consultadas através dos links:
Reserva Volta Velha
Facebook
Anúncios

Uma resposta em “RPPN Volta Velha – Itapoá/SC

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s